MA #34 – Você conhece o ABC do autodidata?

Achei esse infográfico super-divertido na Internet, e resolvi falar um pouco dele. Tem grandes dicas para quem quer aprender melhor e com mais autonomia…

55 Comentários


  1. Ana,

    Gostei bastante do vídeo, só acho que poderia ser um pouquinho mais curto. Como você mesmo fala em outro local do seu maravilho site, o tempo ideal seria os 18 minutos que o próprio TED usa.
    Em todo caso, PARABÉNS!!!

    Responder

  2. Parabéns, querida ANA! Eu Sr IRIS GRIÃO JUNIOR, com letras maiúsculas, é para salienta o sexo (Masc) apenas, estou lisongeado pelo que acabei de ler! Que injeção de motivação, acabei de receber! Precisava desesperadamente desta informação! As provas da Faculdade NP2 estão aí né! E eu sei pouco sobre o conteúdo, mas tenho certeza de que conseguirei passar este semestre, e posteriormente aprender nas minhas féria de Julho esta matéria! É o meu compromisso! Mais uma vez OBRIGADUUUUUUUU! Beijos!

    Responder

    1. Iris, força de vontade passa a ser agora a sua meta, né!!
      Motive-se e mobilize-se…é um grande desafio…
      Abraço, Marcelo.
      Gerente de relacionamento.

      Responder

  3. Bom dia Ana,
    Muito bom este infográfico. Durante o video fiz o meu para assimilar melhor. E realmente ao analisá-lo, norteamos o que queremos de maneira mais clara. Isso é fato.
    Estou estudando para concursos, e quero melhorar meu nível de aprendizagem, de maneira mais eficaz em todos os sentidos. Evoluir. Letra “U” – Unlearn and Relearn (reaprender/inovar).
    São coisas que instintivamente sabemos que tem que ser feito, mas Não fazemos por medo de mudar e claro, pelas dificuldades que enfrentaremos no caminho.
    Eu me policio todos os dias, a todo momento para não desistir. Se está difícil: letra “D” – DIVIDIR PARA CONQUISTAR; letra “F” – FOCO/DESCONSTRUA PARA APRENDER.
    É uma batalha árdua, sim. Mas dá prazer ao vencê-la. ACREDITE!
    Acredito que novos métodos são sempre bem-vindos!
    Parabéns pelo seu trabalho!

    Responder

    1. Pelo que vc nos relata a gente percebe que vc possui dentro de si determinação, persistência/continuidade e coerência nas suas argumentações principalmente a cerca da repercussão que vc vai externando ao entrar em contato com os conteúdos dos posts.
      Ficamos felizes em poder provocar tais desdobramentos positivos…
      Bom também poder receber os seus relatos…eles nos alimentam cada vez mais…
      Abraço, Marcelo

      Responder

  4. Boa noite Ana.
    Já tenho 63 anosl, não sou estudante nem professora. Não sabia desse blog, estava perdida na internet , decepcionada com facebook e similares, procurando algo sobre autodidata, e o blog me animou. Amei o infográfico e tenho certeza de que me será útil não só na assimilação de quaisquer conteúdos informativos que eu vier a buscar, como nas relações interpessoais. Obrigada. Sua exposição oral me soou bem agradável.

    Responder

  5. Excelente o ABC do autodidata. Quebrou alguns paradigmas meus, por exemplo aprender é Zig zag e não linear, isso me deixava extremamente chateada. Adorei os desenhos e as expressões em inglês, aprendo a desenhar consequentemente aumento minha criatividade, melhoro meus mapas mentais e aumento meu vocabulário de inglês. Muito agradecida Ana.

    Responder

  6. Olá Ana! Hoje recebi um email do Marcelo Maia sobre sua história… Confesso que gostei muito!
    Quando puder entre em contato comigo para me dar mais detalhes sobre seus métodos de ensino.
    Ah, respondendo sua pergunta, o formato de vídeo aula ficou muito interessante!
    Um grande abraço.
    Fabio Marques

    Responder

  7. Ótimo foi muito bom ter visto esse vídeo, porque eu adquiri uma ideia , ou seja, uma noção de como continuar e persistir a buscar e nunca desistir, mas confesso que eu discordei de alguns critérios ai, mas eu amei

    Responder

  8. Ana: Boa tarde
    Esse infográfico resume questões práticas e “filosóficas”. Criar hipóteses, testar e ajustar as hipóteses requer pensar no pensar… gostei muito. Irei reler e repassar. abços. Laura

    Responder

  9. Oi Ana!!!
    Tenho acompanhado as suas publicações e estou cada vez mais interessada!
    Estou aqui, buscando ambições profissionais cada vez maiores…
    Ano de concursos públicos, me preparo continuamente.
    Adorei os infográficos… Quero mais!

    Abss

    Responder

  10. Nossa, nossa, nossaaaaaaaa!!! Encontrei tantas respostas para coisas que me sentia totalmente perdida, MUITO OBRIGADA ANA!!!
    Sua didática é ótima e aliviou demais minha mente e minha alma, rsrsr
    Sou fá do seu trabalho desde que a ouvi pela primeira vez, através do curso do Érico Rocha
    Bjokas com carinho, desejando a cada dia mais sucesso!!!
    Vera Protta

    Responder

  11. Ana muito legal essa vídeo aula. Por mim acho que seria bem interessante ficar trazendo também essas experiências.

    Inclusive entrei no site de onde você tirou o infográfico e tem outros excelentes que podem ser usados.

    Samuel

    Responder

  12. Muito bom sob todos os aspectos. Vc com sempre, Ana, se supera em cada vídeo aula.

    Responder

  13. Ana não costumo comentar seus vídeos, mas desta vez, venho te agradecer por me motivar a estudar. Tenho 18 anos e sou estudante de Psicologia de uma faculdade particular(financiada), sempre estudei em escolas públicas e por esse motivo nunca me achei capacitado em passar no vestibular (ENEM) de uma universidade pública, mas, depois de assistir alguns de seus vídeos, percebi que oque me faltava era a penas motivação. Hoje já faz mais ou menos um mês que comecei a estudar para o vestibular, meu objetivo é a Universidade Estadual do Ceará (UFC), e o curso psicologia. Sei que posso, e graças a você dei o ponta pé inicial. Muito obrigado mesmo, abraço pra você =)

    Responder

    1. Puxa Gabriel que coisa boa. É muito motivador saber que eu estou fazendo este tipo de diferença na vida das pessoas.
      Muito obrigado por comentar, abraço e boa sorte no seu vestibular.

      Responder

    2. Oi Gabriel, que coincidência, também estou tentando para a UFC e estou em uma faculdade a qual não me identifico!

      Responder

  14. Olá Ana!
    Considero muito importante o uso de infográfico para a organização da informação. E estou muito satisfeito em assistir um vídeo seu explicando esses elementos visuais e gráficos, tenho certeza que sua atitude agregou muito valor a leitura dessas informações. Por esse método observei que fica mais fácil para discernir o conteúdo e também é mais confortável de aprender. Isso me despertou um grande interesse em infográficos, vou pesquisar como produzi-los. Obrigado pela dica. Adorei! Parabéns!

    Responder

  15. Oi Ana, adorei esse infográfico, prefiro em inglês pois nos força a prestar mais atenção, tinha muitas palavras do info a qual desconhecia e antes de você dizer o significado ia tentando traduzir através dos desenhos e de conhecimentos anteriores. Como você não disponibilizou a imagem em português eu fiz a tradução e os desenhos em uma folha, o que me ajudou bastante pois reforçou bastante o conhecimento passado por você.

    Responder

  16. Olá Ana!
    Como sempre, com muitas novidades para nós!
    Não só gostei, como transcrevi a tradução contextual do infográfico na vídeo-aula. Achei o conteúdo excelente para dar boas vindas aos meus alunos e encorajá-los a aprender mais. Obrigada pelas sempre valiosas informações e dicas.
    Abraço!

    Responder

  17. Bom, muito bom Ana. Só não entendi por que às vezes ticava numa letra diferente daquela que abordava, exemplo: K, N, P, V !

    Responder

    1. Oi Lucio na verdade foi um problema de sincronia da ferramenta que eu estava usando para gravar. Eu estava testando uma ferramenta nova. Eu vou aprender a usá-la melhor, ok!

      Responder

  18. Olá Ana
    Que bela iniciativa para a educação e para o aprendizado de todo estudante.
    Você poderia enviar para o meu email uma cópia desse infográfico? Eu quero colocar na parede do meu quarto, pois com certeza será de grande valia.

    Responder

    1. Fernando, eu vou colocar debaixo do vídeo um link para o artigo de onde eu tirei este mapa, assim todo mundo pode pendurar este infográfico na sua parede, ok!

      Responder

  19. Achei muito eficiente o passa a passo deste Método de Aprendizagem e de fácil compreensão, Mas seria mais interessante a tradução em Português.

    Responder

    1. Oi Edson a gente está construindo no Facebook coletivamente o ABC em português.
      Você pode participar entrando no blog e votando nas dicas que você acha mais interessante.

      Responder

  20. O mais importante não é de onde veio infográfico e sim o conteúdo de informação que ele agrega, principalmente pela sua capacidade ímpar de fazer com que está informação chegue limpa, inteligível para seus subscritores.

    muito bom vídeo, ótima apresentação, sem está apresentação esclarecedora o infográfico não teria o mesmo valor. Parabéns

    Responder

  21. Tenho perdido a suas aulas por absoluto engajamento aos meu egoístas aprendizados particulares.
    No entanto, vejo que estou perdendo mais em não lhe acompanhar.
    O infográfico foi feito por alguém que sabe do que está falando.
    Por outro lado, você foi muito feliz em identificar o valor do conteúdo e mais feliz ainda nos comentários que fez.
    Fico me preguntando… será que a pessoa que construiu o infográfico teria a forma de apresentá-lo do jeito que você o fez?
    Parabéns! De zero a dez, grau 1000 com os meus louvores.

    Responder

    1. Obrigado Gilberto, eu não vi a explicação como eu fiz no infográfico. Na verdade ele é um infográfico que resume um conhecimento o que só alguns iniciados tem. Eu entendi o infográfico porque eu estudo muito essa parte de educação e eu sei mais ou menos as coisas que estão sendo discutidas na atualidade por isso que eu tive a ideia de explicá-lo.
      Obrigada!

      Responder

  22. Muito boa sua explicação do infográfico Ana. Eu gostaria também de ter o material traduzido para imprimir e carregar sempre comigo para ir aplicando cada princípio e me desenvolvendo cada vez mais nessa caminhada autodidata.

    Responder

  23. Ana, espetacular!
    Parabéns pela aula!
    Este infográfico ficou bem legal, além de ajudar com o inglês, pois acaba sendo uma aula disfarçada de inglês, né?
    Tava com saudade de suas aulas….
    Obrigado!
    Grande abraço

    Responder

  24. Obrigado Ana!
    Estava com saudades!!!
    Esta aula é uma espécie de resumo de todos os conceitos que vc já abordou antes.
    Parabéns!!!!!!!
    Grande abraço!

    Responder

  25. Muito bom Ana!

    Você pode fazer algum vídeo sobre criatividade?

    Obrigado.

    Responder

  26. Oi! menina prefiro que você traga estes técnicas dos amaericanos “gringo” pois eles estão mais adiantado neste quisito.
    Só temos a agradecer

    Responder

  27. A sua explicação é maravilhosa. independente da língua – você sabe apresentar de forma harmoniosa. Tem tudo a ver com aprendizagem. Parabéns!

    Responder

  28. Muito bom e acredito que é de grande valia trazer estes materiais do exterior pela qualidade do produto.

    Responder

  29. Achei ótimo, acho que vale a pena, pois tudo que chega no Brasil já chega atrasado, buscando informações fora seria a melhor forma, pois nem todos nós temos tempo pra ir pesquisar ou buscar ou sabemos inglês corretamente ou não sabemos onde buscar.

    Video aulas alguns pontos falou comigo. Eu na sala de aula se tenho uma dúvida, simples e idiota que seja hehe eu não pergunto, medo, vergonha dos outros acharem pow ou falarem pow tu e burro em. Já em questão de exercicio fisico, eu virei sedentário, antes eu fazia academia, mas não dá tempo de sair da academia e ir para aula e a grana também ficou curta, jogava bola com colegas de faculdade duas x por semana das 23:00 as 00:30 também parei. Já em relação a cursos, faço 3 ou 4 cursos. 1 é treinamento, faço nos sabados mas depois tem exercicios da pratica, teste de conhecimento que tem que fazer, estou atrasados com estas atividades. O iglÊs estou meio que desanimado, vinha estudando numa escola, mas chega um certo tempo que cansa fica chato, então vou dar uma pausa neste semestre e voltar em julho ou agosto quando assim encerrar minhas aulas na faculdade, mas o que mais exige, claro o inglês também, mas este treinamento que faço já vinha vfazendo é o que exige pratica. Por isso irei parar com inglês, continuar vendo somente series em ingles ou alguns sites, video aulas etc.

    Este video foi bom, gostei.

    Responder

  30. Boa tarde!

    Eu achei muito interessante o modo como foi apresentada a matéria em questão, em seu conteúdo original mesmo, pois acredito que isto gera uma credibilidade maior do que se houvesse tido uma interpretação para o nosso idioma.
    E além do mais, o grosso do conteúdo relacionado à aprendizagem na web e na literatura em si esta em inglês.

    Continue assim Ana, você realmente faz a diferença entre os brasileiros e a comunidade que estuda e se interessa a neurociência, seja para uso próprio, aprendendo a aprender entendendo como funciona a memória, ou seja como você, que tem um projeto de ajuda ao próximo através da transmissão do conhecimento.
    Sua paixão por ensinar me encanta.
    Bom trabalho e um abraço.

    Responder

  31. Olá Ana. Gostei muito deste infográfico e o formato da video aula ficou realmente interessante. Duas coisas me chamaram muita atenção e as considero bastante importantes; o decidir começar e fazê-lo e o respeito por si próprio diante da aprendizagem. Muitas pessoas desistem de determinados assuntos ou disciplinas porque não decidem começar a estudar de fato, ou por se verem falhando ao tentar, mas como vimos não podemos ter medo de falhar e sim analisar o porquê falhamos e contornar o problema. Um ABRAÇÃO e até o próximo vídeo.

    Responder

  32. Muito obrigado. Gostei desta forma de compartilhar o conhecimento. Manter as informações na sua língua de origem amplia o aprendizado, otimiza o tempo e respeita a fonte.

    Responder

  33. Muito interessante, visualizando e associando se aprende melhor,comigo só funciona assim. Abraço e obrigada.

    Responder

  34. Oi, Ana.
    Bastante interessante, adorei e sou adepto da continuidade deste modelo de Video Aula, pois permite ter uma visão integrada e uma aprendizagem até maios prazerosa.
    Tudo de bom.

    Responder

  35. Olá, gostei muito, refletindo sobre o infográfico, percebo que o caminho não é fácil, mas com disciplina tudo é possível. Tenho bastante dificuldade em relação aos contatos, sei que posso e tenho que melhorar neste sentido. Tudo que se refere a aprendizagem é sempre bem vindo. aguardo mais vídeos. bjs

    Responder

  36. Muito bom esse formato Ana. Parabéns pela ideia e dedicação.
    Vale a pena sim…fica muito claro as reais necessidades para um entendimento de qualquer assunto.

    Responder

  37. Gostei muito, Ana. já indiquei suas videoaulas a outras pessoas. Muito bom você ter mantido o infográfico em inglês. Meus alunos vão adorar, com certeza.

    Responder

  38. Ola, encontrei este vídeo por acaso no Youtube, adorei o infográfico e seu método de ensino, você é uma excelente instrutora, alem de cativar e MOTIVAR muito com suas palavras, graças a sua explicação me interessei ainda mais sobre o conteúdo explicado em seu site.
    Encontrei o site que procurava a tempos, irei estar presente sempre.

    Parabéns !

    Responder

  39. Oi Ana tudo bem, tenho acompanhado seus vídeos algum tempo já uns 6 meses. Acho todos legais, mas um pouco burocrático, sinto falta da parte pratica com mais objetividade, acho muito linear, quase como uma leitura, exemplos e exercícios atrairão mais a curiosidade e alunos, gostei muito do livro da sua história que está na Amazon.
    Um grande abraço

    Responder

    1. Interessante, Maurício. Vamos tentar produzir vídeos mais práticos então!
      Obrigada pelo feedback. 🙂

      Responder

  40. Adorei Ana. Perfeito. Com humildade, me identifiquei muito, estou no caminho certo. Só o contato com outras pessoas, que está fraco. Já tentei com vários conhecidos, não deu certo, mais não desisto, pq tenho metas e sonhos. Achei melhor neste formato, porque, não foi gasto tempo refazendo a roda, e as informações chegaram a mim rapidamente.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *