Você é capaz de aprender qualquer coisa!

Você sabia que você é capaz de aprender qualquer coisa? Todos somos! Não há limites para o nosso aprendizado, desde que queiramos absorver mais e mais conhecimento e tenhamos a abordagem certa.

Saiba mais na videoaula abaixo (DICA: no final do artigo tem um presente para você! 😉 ):

O primeiro passo para atingir essa capacidade está em aprender lidar com os problemas de uma maneira sistemática. A sensação de autonomia que vem dessa habilidade de resolver os próprios problemas vai ser fundamental para você desenvolver a sua autonomia cognitiva, que por sua vez vai lhe dar infinitas possibilidades de aprendizado.

Lidando com problemas

Muitas vezes a gente acaba fazendo um tremendo drama quando está com um problema que afeta de forma direta a nossa vida. Também é comum que o drama seja desproporcional ao real tamanho do problema em si.

Essa energia do sofrimento diante de um problema pode até ser útil, porque é ela que mostra que aquela área da sua vida precisa de atenção. A questão é quando a gente fica emperrado no sofrimento, sem conseguir sair dele nem enxergar soluções práticas.

Nesse momento, vale a pena usar um método sistemático para entender a fundo a questão, e assim conseguir criar soluções para ela. Entenda o processo:

O que é autonomia cognitiva?

Autonomia cognitiva é a capacidade de aprender com um mínimo de dependência dos outros. Isso permite aprender coisas novas sempre que acharmos necessário, ao invés de depender da disponibilidade de um professor ou de um tutor.

As vantagens de se ter autonomia cognitiva são imensas, principalmente num mundo movido a informação e novidade. Para começar, o custo de você aprender coisas novas tende a ser muito menor. Por exemplo, ao invés de ir ao outro lado da cidade todos os dias para fazer um curso, você pode usar a sua independência para aprender através de um curso online ou até de um livro, evitando o custo (e a enorme perda de tempo!) do deslocamento.

O maior ganho que você pode ter ao aumentar a sua autonomia cognitiva, no entanto, tem a ver com a auto-estima. Se perceber capaz de aprender por conta própria dá uma enorme sensação de competência! 🙂

No vídeo acima, você vai descobrir como a resolução sistemática de problemas pode ajudar você a desenvolver a sua autonomia cognitiva. Assista-o, aplique o método para alguma problema seu e depois venha nos contar:

Como você resolve um problema que é realmente importante na sua vida? Comente abaixo!

Faça sua própria análise!

Insira o seu endereço de e-mail abaixo para receber gratuitamente o mapa mental desta videoaula!

59 Comentários


  1. Gostei muito das suas dicas Ana, está me ajudando muito, tenho dificuldades de aprendizagem devido alguns problemas com professores, leitura. Tive em uma situação que estava desistindo de estudar, pois minha caligrafia era orrivel e a professora só sabia apagar as minhas tarefas e me mandando fazer de novo isso era assim toda vez que tinha exercício para casa estava na educação infantil, eu me sentia no sentido vulgar da palavra uma burra, achava que não aprendia nada pois todas as vezes que a professora passava vistoriando eu tinha que fazer de novo, mas depois de um tempo descobri que não era a tarefa errada mas pela caligrafia, mas isso me desmotivou muito na escola, então aos 15 anos parei de estudar fui trabalhar, foi aí que vi o quanto o estudo e conhecimento faz a diferença, voltei aos 18 anos para terminar o que tinha parado, sempre com muita dificuldade, mas com vontade de aprender, fiz faculdade de pedagogia, mas acredite, ainda sentia algo vazio, tenho dificuldade em ler rápido, por mas que leio percebo dificuldade em meu vocabulário onde perco muito tempo consultando dicionário, mas então resolvi procurar uma forma de ler rápido e com eficaz, foi aí que te conheci desde de então venho te seguindo, estou fazendo o seu curso acelere 3x a leitura, você tem uma forma especial de ensinar, obrigada!

    Responder

  2. Estou no terceiro ano do ensino médio e nunca fui de estudar, não me preocupava em fazer vestibulares e entrar em uma faculdade. Sempre gastei todo tempo em jogos de video game, e apenas agora, me dei conta que preciso acordar para a vida, estou ansioso pra colocar tudo isso em prática e recuperar todos esses anos perdidos.

    Responder

  3. vou usar as dicas para de desenvolver as habilidades de comunicação (gestos, tom de voz), posso enumerar o que foi destruidor de vida social para mim.
    1- quando eu era criança ficava assistindo TV 10 horas ou mais;
    2- na minha adolescencia jogava videogame o tanto de horas que eu ficasse acordado;
    obs: agora é recuperar o tempo perdido,( nunca tinha visto tanta informação útil em um unico blog.
    valeu ana e perdoa os erros de português.

    Responder

    1. Beleza, Thiago.
      Que bom que você está pensando em aplicar este método no intuito de atenuar/resolve questões que são realmente importantes para sua vida.
      Até breve, abs.
      Marcelo.

      Responder

  4. Oi Ana!
    Mmmuuuiiiiito obrigada, pelo meu “primeiro passo”!!!!
    Eliana

    Responder

    1. Obrigado por comentar.
      Conseguiste baixar o mapa mental da vídeoaula?
      Abraço, Marcelo.

      Responder

    1. Sonia, estamos vendo uma possibilidade de disponibilizar.
      Abraço, Ana.

      Responder

  5. Excelente excelente excelente!
    Fiquei curioso com “micro-hábitos” que você mencionou.
    Gostaria de receber o mapa, preciso dele. Mas vou tentar rabiscar um.
    Que em 2015 todos seus sonhos se realizem, com muita PAZ e SAÚDE.

    Responder

    1. Sérgio, ainda estamos vendo uma forma de disponibilizar o mapa. Enquanto isso você pode ir tentando rabiscar…
      Abraço, Ana.
      Feliz Ano Novo!

      Responder

  6. Oi, gostei muito deste vídeo e gostaria de receber o mapa mental sobre cognição e aprendizado.

    Responder

    1. Mário, ainda estamos vendo uma possibilidade de disponibilizar, ok!
      Abraço, Ana,
      Feliz Ano Novo.

      Responder

  7. Ana muito especial seu video. Vc por favor pode enviar para mim este mapa mental….Forte abrac……

    Responder

    1. Emanuel, estamos vendo uma forma de fazer a disponibilização.
      Abraço, Ana.

      Responder

  8. Muito bom, Ana! Excelente ferramenta não só para os estudos, mas também para outras situações na vida.

    Responder

  9. Ana adorei o vídeo! Gostaria de receber o mapa 🙂
    Obrigada por nos presentear com esse trabalho maravilhoso!
    Grande abraço

    Responder

    1. Andrea, estamos vendo uma forma para disponibilizar, ok!
      Abraço, Ana.

      Responder

  10. Ana, parabéns pelo seu trabalho de nos ensinar a aprender! Seus vídeos me inspiram melhoria contínua nos estudos! Abraços

    Responder

    1. Ana, fico feliz em saber que esses vídeos lhe inspira em continuar melhorando os seus estudos.
      Abraço, Ana.

      Responder

  11. Muito bom os vídeos, só preciso pôr esses conhecimentos em prática hoje, amanhã, e depois e depois.. Obrigado.

    Responder

  12. Estou viciado em seus videos, não consigo parar de assisti-lós, parabéns ^_^

    Responder

    1. Endrio, bom vício né…vício que pode nos tornar melhor…
      Abraço, Ana.

      Responder

  13. Olá, Ana belíssima explanação. Muito obrigada pela vossa contribuição que servirá para abrir novos horizontes em meus estudos.Conheci o site neste momento e estou me deleitando nele.Meus parabéns e espero receber o mapa mental.

    Forte abraço.

    Responder

    1. Geisa, obrigada pelo seu entusiasmo…
      No caso do mapa mental estou pensando uma maneira de disponibilizar.
      Abraço, Ana.

      Responder

  14. OLÁ ANA!
    OBRIGADO POR COMPARTILHAR MAIS UM VÍDEO EXCELENTE! SE PUDER ME MANDAR O MAPA MENTAL FICAREI MUITO GRATO!

    Responder

    1. Edmar, estamos vendo uma maneira de disponibilizar, ok!
      Abraço, Ana.

      Responder

  15. Ana Lopes,

    Muito boa a sua explanação. Gostaria muito de receber o mapa mental. Obrigado.

    Responder

    1. Gilson, nós estamos providenciando uma forma de disponibilização do mapa…aguarde!
      Abraço, Ana.

      Responder

  16. Que espetáculo de vídeo sobre o ponto da virada durante um aprendizado novo, Ana! Muitos alunos não chegam lá, não porque fracassaram, mas porque desistiram antes de conseguir. E pensar que muitos se encontram neste ponto do gráfico que você mostra no vídeo, muitas vezes a um passo do início da subida!!!
    Show de explicação! Tomar consciência deste processo, é com toda a certeza, a chave para o sucesso em qualquer aprendizado!
    Obrigada por compartilhar conosco suas descobertas!

    Responder

    1. Obrigada a você Márcia pelo seu entusiasmo.
      Isso me motiva mais e mais a produzir outros vídeos.
      Abraço, Ana.

      Responder

  17. Ana,
    estou precisando muito de autonomia, tenho que aplicar esses passos para resolver meus problemas, atualmente alguns dos meus problemas me angustiam e me paralisam.

    Responder

    1. Marcos, as reações difíceis que aparecem nas nossas vidas de fato trazem angústias e por vezes, como você mesma diz, paralisam.
      Uma coisa legal é que você já está percebendo a necessidade de exercitar a sua autonomia…
      Abraço, Ana.

      Responder

  18. Olá Ana, parabens pelo eficiente video. Por favor, envie-me o mapa mental do mesmo. grata

    Responder

  19. Bom dia
    Gostei do vídeo, muito bom.
    Gosto muito de ler.
    A minha questão: Ler ou ir ao cinema.
    já pratico algumas dicas.

    Atualmente venho fazendo novas experiências:
    1ª Estou lendo três livros, leio alguns capítulos de um depois vou para o outro;
    2ª Leio os capítulos na ordem do meu interesse, claro que o livro permite isso;
    3ª Quando o capítulo é interessante, releio quando retornar ao livro;

    Quanto a leitura cheguei as seguintes conclusões: O livro só é chato ou me disperso durante a leitura, porque o tema não é do meu agrado ou do agrado do meu sub consciente; mas forço a barra alguns capítulos, mas na maioria das vezes troco-o.

    O que muito lamento, e que na maioria das vezes que leio os livros não tenho com quem partilhar, sinto-me um fotografo num jardim botânico sem câmara fotográfica.

    Bem fiz meus comentários espero ter contribuído para a leitura de livros, gostaria de receber e partilhar outras vezes.

    Tenham um bom dia.

    Valter Barros

    Responder

    1. Você gosta de escrever, né!! Isso é bom….colocar as ideias para circular.
      Valter, novas experiências são, na maioria das vezes, o que nos move…uma espécie de motor colocado para funcionar em busca de outras possibilidades.
      Abraço, Ana.

      Responder

  20. Obrigado por mais essas dicas Ana. Estou em busca dessa autonomia cognitiva, é o meu “santo graal”. Você já leu o livro “the 4-hour chef” do Tim Ferriss? Seria muito legal ver você fazendo quem sabe um vídeo sobre esse livro ou quem sabe uma série… Abração do seu fã #1.

    Responder

    1. Confie em você que alcançará!!
      Com relação ao livro já ouvi falar.
      Fica então a sua sugestão, ok!
      Abraço, Ana.

      Responder

  21. Ana,

    Parabéns pelo vídeo e todo conteúdo disponibilizado.
    Grande Valor e Aprendizado.
    Com essa qualidade poderia vender o conteúdo e disponibilizou para todos nós.
    Abraços e Deus a abençoe nessa caminhada.

    Responder

  22. Ana muito boooooommmm seu post….gostaria de saber qual ferramenta você está utilizando pra criar seus mapas mentais….achei – o muito interessante!!!!!

    Responder

  23. Olá, gosto muito de seus vídeos, sempre assisto. E deixo aqui meu mail para que me mande esse mapa mental, pois irá me ajudar muito. Beijos e parabéns por seus projetos. mairag21@hotmail.com
    Agradeço desde já. \õ/

    Responder

    1. Maira, nós estamos com um projeto de disponibilizar em breve, ok!
      Abraço, Ana.

      Responder

  24. Nossa Ana,

    Ferramenta muito útil!!
    Nossa estou pasmado com a quantidade de insights valiosíssimos, Deu te abençoes de verdade por essa bela missão!!
    Meu email é mathias.barreto@gmail.com, gratidão pelo mapa mental!
    Abraços e nos vemos em breve!

    Responder

    1. A ideia aqui é disponibilizar coisas úteis e objetivas para as pessoas, Mathias.
      Abraço,
      Ana.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *