MA #29 – A ciência da retenção

Ainda no embalo de mostrar mais material interessante sobre a retenção, segue uma vídeo-aula superinteressante sobre a neurociência por trás da repetição, que leva a retenção da informação na memória de longo prazo.

Vale a pena conhecer esses experimentos!

32 Comentários


  1. Oi Ana, gosto muito de suas vídeo-aulas. Através delas pude resgatar minha autoestima. Pude perceber que é possível aprender e continuar aprendendo.
    Te desejo muito sucesso!

    Responder

  2. Ana,
    Suas aulas são de grande valia no meu trabalho e tenho divulgado para todos os instrutores que convivo, pois, conhecimento é sempre bem vindo, em especial de qualidade como o seu… Parabéns!!!
    Aproveito a oportunidade para solicitar material impresso sobre a importância da repetição. Quero apresentar aos pais da escola que trabalho, por acreditar que os pais devem cada vez mais se envolver na formação de seus filhos.
    Desde já agradeço e aguardo retorno.
    Amanda

    Responder

  3. olá Ana, tenho iniciado recentemente um curso em bacharelado em direito, tenho muito que aprender e pouco tempo para estudar, gostei muito das videio aula que já assisti e, em especial a do mapa menta; espero que você fale mais sobre o mapa mental. Obrigado e até logo!l

    Responder

  4. Oi Ana,
    Já há algum tempo que venho acompanhando os seus vídeos e me encantando com cada um deles, mas sempre me veio um questionamento … O que você tem a dizer sobre o dda, por exemplo, do ponto de vista do foco, retenção e absorção do conteúdo…Você acredita que essas técnicas poderiam ajudar? Ou elas se concentram apenas para um padrão mais, digamos, mediano de dificuldades de aprendizagem? Estou falando no meu caso específico, onde a “viagem” e parar uma leitura/vídeo no meio dela são praticamente obrigatórias, por mais que me pareçam interessantes e etc. Enfim, existe algum material seu abordando esse tema específico? Um grande Abraço!

    Responder

    1. Olá Ana, eu não conheço assim um bom material sobre o dda.
      Ficarei lhe devendo…
      Abs.

      Responder

  5. Oi ana!!!
    Primeiro: quero agradecer pelas palestra que tem sido de bom aproveiamento para mim, segundo: quero tirar uma dúvida com você a respeito de atenção e concentração, pois não estou conseguindo me concentrar e nem ter atenção suficiente paraa me prender ao estudo e com isso aprender a disciplina. Eu estou estudando para concursos na área fiscal, trabalhava e tirei licença para poder estudar, estudo quatro(4) disciplinas por dia, em média sete horas por dia, as vezes chego a oito horas, de segunda a sábado, descansando no domingo.
    Como posso melhorar o meu rendimento pois estou meio de saco cheio, mas adora aprender, acho que é porque estou a dois anos e meio e ainda não obitive êxito, como posso eleiminar e sentimento e conseguir mais atenção e concentração.

    Responder

    1. Luiz, eliminar totalmente os sentimentos não é possível…..inclusive acredito que nem seria desejável….
      Penso que a questão levantada por você está também relacionada com a memorização.
      Assim existem diversas técnicas de memorização.
      Dê uma olhada neste vídeo, por exemplo: http://www.maisaprendizagem.com.br/seu-preconceito-esta-te-impedindo-de-aprender-parte-13/
      Procure também por vídeos correlatos que estão disponíveis no endereço acima.
      Abraços.

      Responder

  6. Olá, Ana. Eu tenho um sério problema de concentração, pois eu começo ler algo e depois quando me dou conta eu terminei a leitura mas com a cabeça em outro mundo. Sem ne saber o que li. As vezes acontece até com vídeo aula, eu viajo mesmo. como combater isso? Ajude-me por favor!

    Responder

    1. Ricardo, a dica é você começar a colocar em prática as dicas que são dadas no vídeo, ok!!

      Responder

  7. Ana, sobre práticas para repetições espaçadas, você conhece os softwares Supermemo e o Anki? Eu uso o Anki e me parece ser bem eficiente….você tem uma opinião sobre este tipo de software?

    Responder

  8. Ana uma dúvida: eu tenho que estudar várias matérias.Por exemplo se eu estudo uma matéria por 1 hora como vc disse, quanto tempo eu descanso pra estudar outra matéria?
    Beijos!

    Responder

  9. Ana, muito bacana o vídeo sobre a importância da repetição no processo de aprendizagem.
    Valeu pelas dicas, que são muito mais valiosas porque são resultado de comprovações científicas.

    Abraço!

    Responder

  10. Ola, gosto muito dos videos são bastante esclarecedores e didáticos, Parabens. Só uma duvida, em relação a aprendiizagem. Iniciei o uso de mapas mentais a pouco tempo e tenho adquiridos “n” vantagens, realmente é um metodo muito eficiente. Que software vc utiliza para apresentar estes seus mapas mentais ???

    Responder

      1. Legal Ana. Achei que o imindmap só fazia mapas mentais em galhos. Destas forma que vc apresenta é bem legal e divertido

        Responder

        1. OI, Maikon, esse não é o iMindMap, é desenhado a mão com uma mesa digitalizadora. 😉

          Responder

          1. 🙂 ahhhhh……mas é brilhante essas sua forma de apresentar.


  11. Gostei muito dos videos, tenho 41 anos e voltei a estudar recentemente e estou buscando na neurociência uma maneira de potencializar meu aprendizado verifiquei e intuitivamente já uso algumas técnicas que vc citou como mudança de contexto e espaçamento de tempo, mas foi muito esclarecedor saber como isto funciona em nosso cérebro e como usar de forma certa e melhorar suas capacidades.

    Responder

  12. Ana,
    interessante ! É pouco, são bem esclarecedoras e estimulantes.
    Ab.

    Responder

  13. Querida Srta. Ana, parbéns pela brilhante exposiçao do tema sobre a repetição, mas se me permitir gostaria de fazer um comentário construtivo sobre a aula, faria a colocaçao que o constante movimento (muito rápido) do cursor do mouse durante a aula , tira a atenção sobre o ponto a ser memorizado ou gravado , ele acaba por movimentar muito os nossos olhos fazendo com que venhamos a perder o assunto( perder o fio da meada em linguagem mais popular) , por favor não me leve a mal , mas so quero contribuir, deixo um grande abraco e gostaria de fazer o curso da Srta. obrigado prof, luigi

    Responder

    1. Oi, prof. Luigi, não levo a mal não. Críticas construtivas são sempre bem vindas. 🙂
      Essa vídeo-aula é de uma séria mais antiga, são os primeiros vídeos que eu publiquei e eles tem vários pequenos problemas técnicos. Mas acho que o conteúdo vale a pena, mesmo com esses incômodos, por isso estou republicando aqui no blog novo.
      O treinamento abre vagas algumas vezes por ano. Fique de olho, ok?

      Responder

  14. Ana, boa noite! Eu tenho uma dúvida. Vc disse nesta vídeo aula que estudar “picado” é mais eficiente para a retenção. Eu tenho estudado por “módulo” (pego uma matéria e vou com ela até o final… quando acabo mudo a matéria). Não é por falta de matéria rss (pq tenho váááárias pra estudar), mas assim perco menos tempo, me acho rapidamente no conteúdo, evito ficar trocando de material, livros, mapas. Qual sua opinião? Para maior retenção, qual o melhor caminho??
    Abraço Ana e parabéns pela iniciativa!
    Latife

    Responder

    1. O estudo picado aqui me refiro na verdade e um estudo um pouco por dia.
      O que eu não aconselho estudar tudo de uma vez só, Mas se você está usando o Am3, já sei que não está estudando tudo de uma vez 😉

      Responder

  15. Olá Ana, mais uma vez a sua aula foi nota 10. Parabéns! Curiosamente postei um comentário sobre “Motivação” ou seja, a aula veio ao encontro do que acredito. Quando nos sentimos motivados, temos a certeza de um aprendizado mais efetivo e eficiente. Gosto da sua didática. Sucesso!

    Responder

  16. A cada video-aula que assisto fico encantado com todos os ensinamentos que são transmitidos de maneira clara, objetiva e concreta e ao alcance de todos sem fórmulas mágicas. Obrigado.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *